Playlist para esteira: Inna

esporte

E aí gente, tudo bem?
Quem aí está pegando firme na academia? Esse friozinho dá uma preguiça…. Mas temos que lembrar que somos mais fortes que ele! Aliás, vocês sabiam que o inverno é a melhor estação para queimar calorias?

Pois é, li numa reportagem que é o melhor momento para eliminar os excessos é no inverno mesmo porque, para aquecer o corpo no frio, o nosso organismo gasta mais energia, o que acelera o metabolismo.

correndo_na_esteira

Inspirada, fui procurar algumas músicas para turbinar o Ipod para encarar a esteira hehe Foi então que encontrei alguns mixes da Inna, uma cantora romena. Achei muito bacana e dão para vários treinos, sejam curtinhos, de 20 – 30 minutos, até um pouco mais puxados, com cerca de 1 hora. Bora conferir?

 

 

Todos já foram para o meu Ipod e amanhã vou correr curtindo um sonzinho bem bom! =) E aí, vocês têm alguma música para indicar para uma playlist top pra corrida?

Beijo Beijo

Anúncios

Alternativa à academia: Atividades do dia a dia que fazem bem à saúde

esporte

Oi gente, tudo bem?

Não sei aí onde vocês estão, mas aqui em São Paulo anda fazendo um friozinho desnecessário pela manhã… Ele detona a minha vontade de ir pra academia de manhã. Rapaz, vou te contar, vencer a preguiça e deixar o cobertor de lado tem sido pior que uma aula de step! É, deu para reparar que não sou muito fã de step, né? Mas eu faço. De vez em quando, mas faço.

Eu adoro academia. Só não gosto mesmo é desse friozinho que nos faz grudar na cama. Mas nada que uma cápsula de caffeinex não resolva. Aliás, isso tem sido minha arma contra a preguiça. Uma capsulazinha amarela me deixa com disposição o dia todo, sem contar que dá mais disposição na hora da atividade e ainda me faz suar horrores no treino (o que eu particularmente adoro, apesar de ser nojentinho hihihi) por conta do aumento do metabolismo.

cafeina

Foto by Marília Maciel

IMG_3520[1]

Comprei minha Caffeinex na Natue mesmo! 😉 // Foto by Marília Maciel

Maaaas, se você não é chegado em academia, calma. Tem um montão de atividades que você pode fazer para manter a saúde em dia.

Por exemplo, que tal praticar uma luta marcial? Eu estou praticando e amando! Já contei aqui no post sobre os benefícios do Muay Thai. Mas agora também estou fazendo Tae Box (e levei a mammys e a prima junto pra aula). Logo mais faço um post falando sobre essa aula.

Pode ser corrida no parque ou mesmo caminhada, natação, hidroginástica, vôlei, dança… Enfim, opções não faltam. O que não podemos é deixar o sedentarismo nos vencer. Let’s move our body, people!

Por falar em mexer o corpo, tem a campanha Let’s Move, que a Diva Bey faz com a primeira dama dos EUA para estimular as crianças e jovens americanos a se movimentarem, que eu acho simplesmente demais. Ela já rola faz um tempinho, mas é sempre bom recordá-la, afinal, o objetivo é conquistar saúde e bem-estar – e isso deve ser estimulado sempre! 😉

Maaaas, se você tem um montão de coisas para fazer, seja em casa ou no trabalho, não deixe que isso se torne um obstáculo. Bora colocar a criatividade para se mexer também! Por exemplo:

– Use escadas ao invés de elevador (sei, é desanimador, mas faz bem. Sério!)

– Varra a casa, o quintal, a sala, enfim… Isso ajuda e muito!

– Lave roupa (não! Não vale jogar na máquina. O esfrega-esfrega é o que vai ajudar a dar uma endurecidinha no braço).

Embora desprezadas, pequenas atividades cotidianas como subir escadas e varrer o chão podem garantir uma saúde tão boa quanto a de quem pratica exercícios físicos regularmente.  Pois é… Isso é o que mostra um estudo conduzido por um pesquisador da Oregon State University, nos Estados Unidos. A descoberta foi publicada na edição deste mês do periódico American Journal of Health Promotion.

Calma, gente. Não estou falando para ninguém simplesmente virar dona de casa (e não há o menor mal nisso). No escritório também dá para improvisar. Por exemplo, faz umas duas semanas que tive que carregar mais de 200 caixas, poltronas e uma mesinha, sozinha e de salto alto. Olha, foi melhor do que academia rs. A ideia é fazer de atividades simples motivos para nos exercitarmos e mandarmos a preguiça e o sedentarismo pra bem longe!

Think about it! 😉

Beijo Beijo

Erros que cometemos ao correr na esteira

balanca

esteira02

Foto We heart it

Oi, gente! Tudo bem?

Não sei vocês, mas confesso que não sou muito fã de esteira… Ficar correndo, olhando pra tv ou pra parede não me atrai muito. Aliás, corrida em si não me atrai. Mas, desde o começo do ano estou “me esforçando” e correndo/caminhando na esteira.

Aí, me lembrei que, quando morava nos EUA, quando fui começar a treinar na LifeTime Fitness, o instrutor pediu que eu não segurasse na barra enquanto caminhava. Foi então que um dia desses resolvi perguntar para a minha treinadora Jéssica (da Água Academia) se tinha realmente algum problema em correr segurando na barra da esteira ou não.

Ela me explicou que, quando caminhamos/corremos segurando na barra do aparelho cansamos menos, contudo isso pode provocar algumas lesões. Tensionamos o ombro e até os punhos, que acabam recebendo parte do impacto do corpo.

No começo, quando não temos muito equilíbrio, é até aceitável caminhar segurando, mas o ideal é deixarmos os braços livres, até para treinarmos o tal equilíbrio e coordenação motora. Inclusive, encontrei uma matéria no Minha Vida que diz que os braços devem estar em um ângulo que pode ser de 75 a 90 graus, para evitar o inchaço das mãos.

esteira

Fiquei curiosa sobre o assunto e fui ler mais sobre os erros que cometemos quando caminhamos/corremos na esteira. Separei alguns para compartilhar com vocês. Confiram:

Pisar primeiro com as pontas dos pés: Temos que prestar atenção para ver se o nosso calcanhar está tocando o chão antes das pontas do pé.  Assim, diminuimos  o impacto com o chão, protegendo nossas articulações.

Correr na esteira sem beber água: Engana-se quem acha que é frescura beber água enquanto corre na esteira. É super importante, pois ajuda no rendimento do exercício. O ideal é beber quantidades moderadas, com intervalos de 15 a 20 minutos.

Relaxar o abdômen: O nosso abdômen deve permanecer contraído o tempo todo. Isso ajuda a proteger a coluna de sobrecarga. Confesso que não sabia disso. Agora já vou mudar minha postura na esteira.

Ah, por falar em erros na esteira, minha treinadora ainda comentou que não devemos parar o aparelho do nada, apertando simplesmente o STOP. Isso faz mal, pois o nosso cérebro está trabalhando, mandando oxigênio para as pernas (que é a parte do corpo que está exigindo mais naquele momento) e, se paramos o movimento bruscamente, é muito provável que possamos nos sentir tontos, pois o cérebro não está recebendo sangue e oxigênio em quantidade adequada. O ideal é, nos 5 minutos finais, reduzir aos poucos a velocidade, até parar.

Bom, agora que já temos uma noção legal de como usar a esteira corretamente, bora correr, mesmo que seja por alguns minutos! Pode ser chatinho, mas o resultado é uma beleza! hehe

Beijo Beijo